Fale com nosso corretor A Qualidade de vida nos pequenos centros | Morena Empreendimentos Imobiliários - Umuarama/PR

Blog da Morena

A Qualidade de vida nos pequenos centros

#

07 Jan

Mais uma tendência que vem aumentando com o tempo e a pandemia acelerou foi a de morar em pequenos centros. Mas qual o motivo? Porque as famílias estão decidindo mudar e voltar a viver em cidades que são consideradas “pequenas” em comparação aos grandes centros?

A lista de respostas para essas questões se tornou mais extensa agora que o foco das famílias mudou. A busca por segurança, conforto, contato com a natureza, contato com outras pessoas e pessoas da própria família também estão sendo priorizadas na hora de escolher um local para morar.

Esta mudança reflete a transformação do jeito de viver, a população teve tempo de pausar e observar de forma detalhada vários aspectos do cotidiano, como por exemplo almoçar em casa com os filhos, coisa que antes era praticamente impossível por conta do trabalho e da vida corrida. A forma de trabalhar mudou e o crescimento do Home Office é um exemplo disso. As empresas que aderiram este método de trabalho tiveram muito mais retorno por parte dos seus funcionários quando comparado ao método tradicional. Mudou também o ensino, com muitas pessoas tendo acesso a cursos que antes eram apenas presenciais e que agora podem ser acessados em qualquer lugar do mundo, via on-line. Caminhamos com mais rapidez para a real transformação do século 21. 

Viver em pequenos centros potencializa ainda mais todas essas possibilidades e cidades como Umuarama, que é considerada de pequeno porte, mas que, oferece toda estrutura de moradia para a família, com várias escolas próximas aos bairros, centro comercial em desenvolvimento, hospitais e médicos renomados na região, ganham um enorme peso na hora da decisão de compra de um imóvel, já que esses aspectos geram mais segurança para as famílias.

Entre as vantagens de viver em cidades menores está a praticidade para ir à academia, ao trabalho ou ao mercado com apenas 15 ou 20 minutos, sem a necessidade de enfrentar um trânsito caótico ou filas imensas nesses estabelecimentos, trazendo ainda mais tranquilidade para quem é morador.

Outro requisito não menos importante é a questão da segurança, cidades pequenas normalmente tem taxas de criminalidade muito pequenas, sendo assim muito mais tranquilas e a interação social também é um ponto positivo. 

Por fim, com todos esses pontos citados acima, as famílias estão chegando à conclusão que as cidades pequenas oferecem praticamente tudo que se encontra em um grande centro, mas com os benefícios da qualidade de vida que é traduzida em um local de paz e tranquilidade sem as altas cargas de estresse proporcionadas por cidades maiores.

 

Compartilhar

Deixar comentário